quinta-feira, 19 de agosto de 2010

Segundo Post - Sem Ideias

Hey, pessoal.Tô eu aqui denovo. Estava aqui sentado pensando no que digitar sobre o meu dia de calouro, e não veio porra nenhuma na minha mente. Então, vou descrever a minha rotina calma de hoje, que começou do mesmo jeito que ontem, acordando cedo demais pra ir pro colégio, cheguei lá e teria em minha primeira aula do dia a minha matéria "favorita": Educação Física. Foi quando veio em minha pequena mente de um jovem aprendiz a seguinte questão... "Será que eu devo trocar do conforto de meu casaco e minha calça, pra ficar de bermuda e camiseta nesse frio da porra?". E veio, logo em seguida, a singela de objetiva resposta: "Só se eu quisesse a morte.". Fui eu então assistir a um pouco dessa aula, com meu colegas fazendo, e refletindo sobre o quão frio estava e eles se fudendo (HAUSHAUHSUAUSHAUAU), depois dessa aula. Aula vaga, só sentar e conversar. Ai veio o intervalo, em todos os intervalos de quinta-feira acontece a maior jornada de superação de todo garotinho juvenil (criado no leite com pêra) que estuda no IFF que é o CACHORRO QUENTE servido na cantina. E como todos são senhores de pura educação de paciência, vejo eu aquela fila imensa parecendo um funil (porque começava com 5 filas paralelas de gente amuntuada e terminava com uma única fila) e essas pessoas de pura calma quase quebrando a porra da porta, mas cara, a merda do cachorro quente não vai fugir, pra quê tanta impaciência, que merda. Depois disso, tive aula de português. Confesso que eu até gosto um pouco do jeito que a professora explica e tals, mas a matéria jamais ajudará. Ficamos eu, Patolino (um amigo meu, HJAUSHUAHUSHUASHUAHSASHUASHU), Caldas e Licurgo falando besteira a aula toda. Veio então a aula de matemática e um dilema em minha cabeça. "Será que eu devo jogar bola com a 104 (outra turma) ou assistir a aula?". Foi quando, incrivelmente, eu fiz a escolha mais correta e fui pra aula. Eu dei uma puta cagada, porque a fêssora passou trabalho. E fui eu, garoto juvenil, zoar um colega que ficou jogando bola. HAUSHAUSHUAHS. E foi isso, o meu grande dia sem muitas emoções. Abração, Freixo.

Dica de hoje: Bullet For My Valentine, minha banda favorita.

Nenhum comentário:

Postar um comentário